O PODER DAS MINIESCAVADEIRAS

Miniescavadeiras cada vez mais presentes no Brasil

Com preços cada vez mais em conta elas começam a aparecer em todas as obras brasileiras. O seu pequeno tamanho, aliado a extrema versatilidade destas miniescavadeiras demonstraram ser ágeis e resistentes. São usadas principalmente onde existem áreas com restrição de espaço, como prédios, escavações em ruas e rodovias, serviços rentes a muros, preparação de alicerces, paisagismo, abertura de piscinas, demolições e remoção de entulhos entre outros. O frete acessível e a facilidade de transporte reforçam esta preferência.

Devido a formidável expansão no setor imobiliário na região sul e sudeste as maiores concentrações se encontram ali. O preço da mão de obra e a falta de trabalhadores qualificados contribuíram também para a procura deste tipo de equipamento.

O mercado de locação tem sido o diferencial para o aumento de usuários desse tipo de máquina, principalmente nos grandes centros, com as proibições de transporte de equipamentos com maior porte.

As tecnologias compactas, a cada ano se aprimoram e conseguem executar tarefas mais complexas com eficiência surpreendente. Estas miniescavadeiras possuem um opcional que permite o uso de martelo hidráulico muito utilizado em demolições facilitando a remoção de paredes e concreto com extrema facilidade. Outro atrativo e o preço de aquisição mais acessível isso tem atraído muitos investimentos no setor de locação que, segundo dados das fabricantes, tornou-se o maior consumidor dessas pequenas máquinas nos últimos tempos.

Existe uma enorme gama de equipamentos que variam de uma dez toneladas todas com tecnologia semelhante e baixo custo operacional.

Redigido por Paulo Tagliaferri